Cel. Fabriciano, 27 de janeiro de 2021

OUÇA AGORA A RÁDIO EDUCADORA

RÁDIO EDUCADORA

31 dez
Imagem: catequizar.com.br

Tempo de recomeçar

Compartilhar

Fim do ano. Dia de fazer o balanço das ações realizadas em 2020, celebrar vitórias e enterrar as derrotas. Para um ano tão cheio de incertezas e tristezas, trazidas pelo COVID-19, chegar ao fim do ano já é uma vitória!

Mesmo em tempos estranhos, como os que estamos vivendo, ainda veremos muita gente correndo no fim de ano! Há os que correm hoje para fazer sua aposta na loteria que poderá o deixar milionário; há os que passam o tempo todo preocupados se usarão branco ou amarelo na hora da passagem do ano; há os começam a comer e beber endoidecidos e celebram o réveillon sem se dar conta de nada; há os que se escondem dentro de casa, os que choram, os que riem, os que pulam sete ondas e os que param, olham para o céu e agradecem!

Na televisão há as retrospectivas de sempre: como foi a pandemia, quem morreu, quem casou, quem assumiu postos importantes, quantas catástrofes assolaram países mundo afora, quantos novos famosos surgiram e quantos bobagens falaram nossos líderes políticos. A repetição monótona de fatos parecem nos dar a impressão de que o mundo é sempre o mesmo e que amanhã, virada a folha do calendário, a vida seguirá como de costume.

E de fato a vida continua! Mas há que considerar o simbolismo de uma virada de ano, garantir que o tempo, ainda que tenha sua marcação estipulada pela engenhosidade humana de fazer relógios e calendários, tem forte conotação existencial e que uma virada de ano pode e deve ser tempo para uma guinada na vida, para melhor, sempre! Mesmo em tempos de incertezas e medos, temos que acreditar em ter esperanças… isso é o que o que faz valer a pena o nome de cristão!

Um Feliz ano novo para você, e que em 2021 continuemos de olhos abertos para os fatos mais importantes que nos cercam, acreditando na chegada de soluções sérias para essa pandemia, acreditando no amor! Assim, para nós, os anos nunca serão iguais aos outros!

Fonte: Padre Evaldo César de Souza, C.Ss.R

VEJA TAMBÉM